sábado, 30 de maio de 2020

"Descaso" Sem motorista, sem médico, sem gasolina ,paciente grave de Covid-19 agoniza por falta ar e de atendimento em Amapá do Maranhão.

O titular do blog recebeu uma denúncia, que a prefeitura de amapá do maranhão, não tem estrutura de atendimento para o covid-19, que mostra em vários vídeos, com a cura do covid-19, mais os vídeo era pura encenação por parte da prefeitura.

Mais uma vez muitos se depara com esse descaso em amapá do maranhão. Da gestão. No atendimento, porque desde ontem o pai da Mary, que é conhecido como rabuda, foi para o hospital passando mal com falta de ar, e foi diagnosticado covid-19, e mandaram ele ir pra casa, deram uma cartela de AAS é de azitromicina. 

E ele passando mal com falta de ar desde ontem passou a noite toda com falta de ar. Hoje pela manhã continuou com falta de ar. A esposa dele foi lá no hospital disseram que não tinha motorista, Quem não tinha médico para fazer o atendimento dele, e ela voltou pra casa novamente.

Após voltar novamente ao hospital para ser atendido porque ele estava com muita falta de ar. Já com diagnóstico de coronavírus. Quando uma enfermeira, chegou lá realmente não tinha motorista da ambulância. 

Lá foi medido e verificada a saturação do paciente, que estava com a saturação muito baixa, teria que ser encaminhado urgente para um hospital mais próximo que tenha suporte de atender um paciente, só foi feito o atendimento dele por causa da falta de ar porque lá não tinha como dar esse suporte. 

O titular deste blog vem reclamando e denunciando todo tempo, mas Péssima administração da prefeita Tatiane maia perante a prefeitura já está virando um caos no município., vários casos vai acontecer, mais só vão tomar atitude quando tiver vários óbitos no município.

Ai talvez a prefeitura poderá fazer alguma coisa, porque o dinheiro para o coronavírus está sendo depositado na conta da prefeitura, mais até agora a prefeita não fez nada pra anemizar a pandemia no munícipio de amapá do maranhão.

funcionários sem EPIs, veja um Enfermagem Luiz, sem EPIs para atendimento, veja o total descaso e a falta de higiene por falta do funcionários do hospital os mesmo enfermeiro que atende criança atende os assintomático de covid-19.


sexta-feira, 29 de maio de 2020

Atenção Ministério Publico e PF, Prefeitura de Amapá do Maranhão está colocando técnico de enfermagem sem o registro do Coren-Ma isso é Grave.

O titular do blog recebeu uma denuncia, que a prefeitura de amapá do maranhão, esta contratando técnico de enfermeiros sem ter o diploma, e nem o registro do Coren-MA para exercer o serviço, isso é grave, entregar vidas de pessoas ainda mais com essa pandemia de coronavírus, que ande alastrando e matando varias pessoas, por cima a prefeitura fazendo maquiagem pra mostra que está tudo ok, mais a farsa foi descoberta.

Atenção vereadores está na hora de tomar providência, já está demais as irregularidade no município de Amapá do Maranhão.

Aguarde nas próximas matéria o blog vem fazer uma revelação bombástica sobre o hospital que funciona como posto de saúde em Amapá do maranhão. 

A ausência de registro configura, portanto, o exercício ilegal da Profissão. Art 47 – Exercer profissão ou atividade econômica ou anunciar que a exerce, sem preencher as condições a que por lei está subordinado o seu exercício: Pena – prisão simples, de 15 (quinze) dias a 3 (três) meses, ou multa. (g.n.) 
quarta-feira, 27 de maio de 2020

Prefeitura de Carutapera transporta Cadáver de coronavírus em Ambulância até o cemitério.


O titular deste blog recebeu uma denúncia que a prefeitura de Carutapera na administração do prefeito André Dourado, não fez licitação de urnas funerária e manda levar, os defuntos na ambulância da saúde do município, que não esta com covid-19,pega sem saber.

Isso é uma falta de irresponsabilidade do prefeito André Dourado, compra os caixões, e não faz licitação de onde ele esta tirando o dinheiro pra compra os caixões sem ter que da explicações a população.







terça-feira, 26 de maio de 2020

Prefeita veiaca de Amapá do Maranhão não paga ninguém e manda espancar cobrador Bernardo Apolônio.

A Pessoa que foi Agredida Bernardo Apolônio
O titular do blog recebeu uma denúncia, que a prefeita veiaca Tate do Ademar mandou agredir o seu Bernardo do Apolônio, por cobra uma divida antiga dos serviços prestado pela prefeitura, as dividas é sobre tubos de cimento para estrada, que o senhor Bernardo faz e a prefeitura compra sem licitação, a prefeita mandou seus capangas,(seguranças)pra agredir o senhor Bernardo.(envolvidos na confusão, dois capangas, a prefeita e o Ademar.

Lascou doido, A prefeita deveria criar vergonha na cara e pagar o que ela deve, uma prefeita veiaca dessa.

Veiaca: Feminino de veiaco. Significa que o animal é corcoveador.
Em algumas regiões do Maranhão significa uma pessoa que não paga suas contas
quarta-feira, 20 de maio de 2020

Presidente da câmara de Amapá do Maranhão cria comissão temporária externa para fiscalizar todos os atos fatos e atividades de combate ao Coronavírus.

O presidente da câmara municipal de Amapá do Maranhão, Renato Araújo de Souza nomeou uma comissão temporária externa. Composta por o vereador Eric domingos. Como presidente. E vereador Elilton moras . como relator .e Vereadora Raimunda torres . como membro da comissão. Para fiscalizar todos os repasses de combate ao Coronavírus no município de Amapá do Maranhão.

Nesse momento a Policia Federal estaria realizando uma operação no centro administrativo da Prefeitura de Paço do Lumiar.

O titular do blog recebeu informações que estaria acontecendo neste momento uma operação da policia federal, na sede administrativa da prefeitura de Paço do Lumiar, localizada na estada de Ribamar, próximo ao Tambaú.

Ja ja mais informações sobre a operação da policia federal.
terça-feira, 19 de maio de 2020

Prefeitura de Paço do Lumiar faz dispensa licitatória com a SELLIX AMBIENTAL E CONSTRUCAO LTDA de quase 1 milhão de reais pra limpeza.

A empresa Sellix Ambiental e Construção LTDA que tem sede no estado do Rio de Janeiro, ganhou um grande aditivo no contratos com a prefeitura. De acordo com o Diário Oficial do Município, um dos contratos equivalente ao valor de R$ 923.498,20 (novecentos e vinte e três mil, quatrocentos e noventa e oito reais e vinte centavos).

a contratação direta, através de Dispensa de Licitação, visando a Contratação emergencial de serviço especializado de sanitização de áreas públicas do Município de Paço do Lumiar, utilizando produto desinfetante à base de quaternário de amônio de Quinta geração e biguanida, com o fim de mitigar os efeitos da COVID-19 (“Coronavírus”), especialmente em relação aos locais de grande tráfego de pessoas, a fim de atender as demandas do Município de Paço do Lumiar – MA.

A empresa está contratada com a finalidade de realizar a limpeza urbana de vias e demais logradouros públicos. O termo do contrato foi solicitado pela secretaria municipal de Saúde.

Em consulta aos dados da empresa, encontra-se como dono da Sellix Ambiental, Marcus Aurelius dos Santos Oliveira e o socio SGE Prizma Participações S/A.

segunda-feira, 18 de maio de 2020

"Extra" Suposto Óvni foi visto na Região do Anjo da Guarda em São Luís. 18/05/2020

O titular do blog Joceilton Gomes recebeu uma ligação de uma amiga, que diz te visto um suposto óvni na área do anjo da guarda, com luzes brilhantes o objeto não identificado, ficou com um tempo de 10 minutos, foi o suficiente para deixar as pessoas comedo na região da área do Itaqui Bacanga em São Luís.

Veja o Vídeo Abaixo:


domingo, 17 de maio de 2020

Descoberta a farsa do Ademar Santos pode ter mentido sobre infecção pelo novo coronavírus em Amapá do Maranhão.

A suspeita foi despertada por pessoas próximas de Ademar Santos, que indagadas titubearam em afirmar que não era fake a afirmação do marido da prefeita de que teria sido acometido pelo coronavírus.

Segundo pessoas próximas a Ademar, a rotina do mesmo pouco mudou após o anuncio, pelo contrário, longe dos holofotes o mesmo se mostrou super. saudável, quando questionado afirmava que era assintomático nem por isso se resguardava em isolamento, o que deixou ainda mais parte da população de Amapá do Maranhão com a “pulga atrás da orelha”.

Será que Ademar Santos mentiu publicamente ao afirmar que estava infectado pelo novo coronavírus. Se falou a verdade, nossa redação está inteiramente disponível para desmentir as denúncias desde que seja com a divulgação de exame do mesmo! O marido da prefeita chegou a divulgar um vídeo onde afirmava estar quase curado, todavia os exames de hoje conseguem além de comprovar que alguém está com o vírus ou sem, detectarem se a pessoa já teve, o que aparentemente não foi o caso de Ademar.

O titular do blog entrou em contato com a secretaria de saúde do estado, e nos informou que só tem dois casos confirmado de coronavírus em amapá do maranhão, já o que está acontecendo em amapá poderá ser outros casos de vírus, H1N1 e Meningite, são o que está mais dando casos na cidade.

A Prefeitura de Amapá está colocando todos os casos como coronavírus, para receber o dinheiro tanto do Estado do Maranhão como do governo federal, e o responsável pela atualização dos boletins epidemiológicos e o farmacêutico Diego Camilo Arial, que se diz Médico na Cidade de Amapá do Maranhão, que passa todas as informações para o Secretaria de Saúde do Estado.


Até o momento só foi apresentado dois casos de coronavírus mais os outros casos  não foi apresentado exame que comprova que o paciente está com covid-19.. 
sábado, 16 de maio de 2020

“Super faturamento” Prefeitura de São Luís vai pagar R$ 9,90 por unidade de máscara descartável – preço praticado no comércio é de menos de R$ 5.


Um escândalo que deverá tomar proporção nacional, na próxima semana é um contrato de compra de máscaras pela Prefeitura Municipal de São Luís, na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). Com dispensa de licitação, a secretaria de saúde teria adquirido 270 mil unidades de máscaras, por um preço de R$ 2.673.000,00 (Dois Milhões, Seiscentos e Setenta e Três Mil Reais). O pior de tudo é que o equipamento está jogado num galpão na Zona Rural da Capital, alugado pela prefeitura.


A denúncia foi feita pelo vereador Umbelino Júnior (PRTB), que esteve no local onde diversos materiais e equipamentos estão “jogados”, ele denuncia um suposto esquema de superfaturamento na compra das máscaras pelo município.

O Site Observatório da Blogosfera teve acesso ao Contrato assinado pelo secretário Lula Filho e Sormane Silva Santana, representante da empresa PRECISION SOLUÇÒES EM DIAGNÓSTICOS LTDA, na data de 15 de abril. A data de pagamento dos insumos seria 30 dias após a assinatura, ou seja, hoje está completando o período de pagamento.


Outro dado que chama a atenção é valor pago por unidade do produto, a prefeitura de São Luís vai pagar um preço quase 100% maior do que o valor praticado atualmente no mercado. A unidade da máscara cirúrgica descartável tripla filtragem, no mercado está custando R$ 5,00 – mas pelo contrato assinado por Lula Filho, o valor está saindo a R$ 9,90.
O site analisa mais documentos da empresa PRECISION SOLUÇÒES EM DIAGNÓSTICOS LTDA, no endereço, que consta no contrato, encontramos uma residencia normal, sem placas e sem as mínimas condições de funcionar uma empresa que firma contrato milionário com o município. A Precision a é administrada pelas sócias Terezinha de Jesus Neves Bottentuit e Lúcia Maria Chuairy Cunha.


O site investigou e chegou a conclusão que parte da verba para pagamento do contrato é dinheiro federal de combate a Covid-19, e por isso, o Ministério Público Federal e a Polícia Federal devem investigar o caso. Até o presente momento estamos levantando maiores informações, de que a empresa não teria entregue a quantidade de 270 mil máscaras, ao almoxarifado da prefeitura.

Bolsonaro recebe ação de impeachment no STF

O  ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello pediu a um oficial de Justiça informar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre uma ação que envolve um pedido de impeachment apresentado contra ele.

A ação movida por um grupo de advogados tem o objetivo de obrigar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a analisar esse pedido, pois, na avaliação deles, Maia está sendo omisso.

Para os advogados José Rossini Campos do Couto Corrêa e Thiago Santos Aguiar de Pádua, Bolsonaro cometeu crimes de responsabilidade. Eles citam a participação dele em atos antidemocráticos, sua posição contrária ao isolamento social duranta a pandemia e  a demissão do ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, entre outros.

Veja o que diz um trecho do documento com a decisão de Celso de Mello:

“O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, manda que o Oficial de Justiça cite o excelentíssimo Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, com endereço no Palácio do Planalto, Praça dos Três Poderes, Brasília/DF, para, na condição de litisconsorte passivo necessário, integrar a relação processual e, querendo, contestar o pedido. DADO E PASSADO na Secretaria do Supremo Tribunal Federal, em 13 de maio de 2”
sexta-feira, 15 de maio de 2020

Pré-candidatos podem fazer vaquinha virtual a partir desta sexta-feira (15)

Brasília (DF) – A partir desta sexta-feira (15), pré-candidatos e partidos poderão fazer campanha de arrecadação prévia de recursos financeiros, na modalidade de financiamento coletivo. Criada pela Lei nº 13.488/2017, a “vaquinha eletrônica”, “vaquinha on-line”, “vaquinha virtual” ou crowdfunding, termos popularmente conhecidos, é uma das novidades nas Eleições 2020. Utilizada nas eleições gerais de 2018, agora pré-candidatos a prefeitos e vereadores poderão utilizar dessa modalidade para arrecadar recursos, com data-limite até o dia da eleição, ou seja, 4 de outubro.

Empresas autorizadas
Para a realização da vaquinha virtual, pré-candidatos e partidos deverão contratar uma empresa ou entidade habilitada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para prestar o serviço de financiamento coletivo de campanhas. Confira a lista AQUI.

Doações
De acordo com o TSE, doações iguais ou superiores a R$ 1.064,10 só podem ser realizadas mediante transferência eletrônica, emitida diretamente da conta bancária do doador para a conta bancária do beneficiário, sem a intermediação de terceiros. A regra deve ser observada, inclusive, na hipótese de doações sucessivas realizadas por um mesmo doador em um mesmo dia.

Recibo de doação
A empresa arrecadadora deverá emitir recibo para cada doação, que deverá constar as seguintes informações:

– identificação do doador, CPF e endereço;
– identificação do beneficiário da doação com a indicação do CNPJ do candidato ou do CPF, no caso de pré-candidatos, e a eleição a que se refere;
– valor doado;
– data da doação;
– forma de pagamento;
– identificação da instituição arrecadadora emitente do recibo, com a indicação da razão social e do CNPJ; e
– referência ao limite legal fixado para doação, com a advertência de que o valor do limite é calculado pela soma de todas as doações realizadas no período eleitoral e a sua não observância poderá gerar aplicação de multa de até 100% (cem) por cento do valor excedido.

Recebimento dos recursos pelos candidatos
A liberação e o respectivo repasse dos valores aos pré-candidatos só poderão ocorrer se eles tiverem cumprido os requisitos definidos na norma do Tribunal Superior Eleitoral (TSE):

– requerimento do registro de candidatura (prazo final é em 14 de agosto);
– inscrição no CNPJ; e
– abertura de conta bancária específica para registro da movimentação financeira de campanha.

Somente após cumprido estes requisitos é que as empresas arrecadadoras podem repassar os recursos aos candidatos.

Caso o pré-candidato não tenha o registro de candidatura efetivado, as doações recebidas devem ser devolvidas pela empresa arrecadadora diretamente aos respectivos doadores.

Prestação de contas da vaquinha on-line
Com o registro de candidatura formalizado, o candidato que concorrerá ao pleito terá de informar à Justiça Eleitoral todas as doações recebidas por intermédio de financiamento coletivo. As informações devem ser registradas no Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE), por meio do envio de relatórios de campanha a cada 72 horas, conforme prevê o artigo 47, parágrafos 1º e 2º, da Resolução TSE nº 23.607/2019.

A partir de 15 de agosto, as empresas e entidades arrecadadoras também deverão informar à Justiça Eleitoral as doações recebidas e repassadas aos candidatos. Isso deve ser feito por meio do validador e do transmissor de dados que serão disponibilizados pelo TSE.

A especialista em Direito Eleitoral, advogada Carla Rodrigues, afirma que os pré-candidatos devem ficar atentos às regras do TSE quanto à realização da vaquinha virtual. “É a primeira vez que o financiamento coletivo será utilizado em uma eleição municipal. Sendo assim, o pré-candidato deve ficar atento a algumas recomendações. Por exemplo, o financiamento coletivo/vaquinha eleitoral não pode ser realizado pelo pré-candidato ou por pessoa física, mas sim por empresa arrecadadora devidamente registrada na Justiça Eleitoral. Então, recomenda-se que o pré-candidato antes de firmar contrato com uma empresa de financiamento, verifique se a mesma tem cadastro na Justiça Eleitoral”, disse.

Outro ponto elencado por Carla Rodrigues é sobre a proibição do pedido de votos durante a pré-campanha. “O pré-candidato não pode pedir voto ao divulgar sua campanha de arrecadação prévia”, frisou.

Sobre a utilização dos recursos arrecadados, a advogada completa: “O pré-candidato só poderá utilizar o recurso arrecadado por meio da plataforma de financiamento, após o efetivo pedido de registro de candidatura, que acontecerá somente em agosto, com a obtenção de CNPJ e abertura de conta bancária de campanha”

Prefeitura de São Luís, esconde máscaras e equipamentos que estavam guardados e a prefeitura fazer compras dos mesmos materiais sem licitação.

Alô, MP: Vereador de São Luís descobriu num galpão alugado pela prefeitura de São Luís, vários equipamentos que estavam faltando nos hospitais em plena pandemia do covid-19.

Se o MP existir, as Leis e Justiça já podem agir, poderão encontrar até os testes que desapareçam e toda cloroquina, azitromicina, e outras doações do governo federal.

Seria essa uma pista para outros matérias que “sumiram”? Entrada do parlamentar foi impedida, mas agiu rápido, chamando a polícia, e conseguiu entrar nos galpões. O vereador prometeu acionar os responsáveis.

“Irei dar entrada na Câmara Municipal de São Luís em um pedido de impeachment do prefeito de São Luís e a saída do Secretário. Estamos num momento crítico, delicado onde vidas estão se perdendo e o que estamos constatando é que o dinheiro público não está sendo aplicado. Nossa população precisa ser respeitada, a saúde tem que ser levada a sério e não iremos parar”, afirmou Umbelino Junior.

Segundo o vereador, que comandou uma verdadeira fiscalização feita nas dependências dos galpões do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o município tinha material de sobra nos galpões, ainda assim, fizeram compras sem licitações dos materiais.

Lamentavelmente em São Luís, capital do Maranhão, cujo prefeito Edivaldo Holanda Júnior faz parte do”consórcio comunista” de Flávio Dino, a administração pública parece um gargalo para a corrupção. Parece, mas, tudo indica que coisas muito sérias estão acontecendo por lá, como foi descoberto recentemente por um vereador que estava cumprindo sua funação de fescalizar.

Durante a vistoria, Umbelino verificou que no estoque haviam cerca de 45 mil unidades de máscara N95, aproximadamente 59 mil máscaras cirúrgica descartável e 2.725 aventais impermeáveis.

O que chama a atenção do vereador, foi que, após o município decretar situação de calamidade pública, pelo menos dois contratos foram firmados para a compra de materiais numa grande quantidade que até o momento não chegou no local.

Segundo o levantamento, as empresas deveriam fornecer no mês de abril, 320 mil máscaras entretanto, conforme planilha demonstrativa apresentada pelo funcionário da terceirizada, nos meses de abril e maio deste ano, foram recebidas 67.524 máscaras, assim restam pendentes as entregas de 252.477 unidades de máscaras.

Umbelino também analisou os contratos firmados pelo município. Segundo informações divulgadas pelo Portal da Transparência, consta a contratação da empresa PRECISION SOLUÇÕES EM DIAGNÓSTICOS LTDA, onde o contrato firmado n° 100/2020 confirma a compra de 270 mil unidades de máscara cirúrgica descartável tripla, filtragem superior a 95% em não tecido, o valor total dos materiais adquiridos chega a R$ 2.673.000,00.

Nelson Teich pede demissão do Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde informou hoje (15) que o ministro Nelson Teich pediu exoneração do cargo na manhã desta sexta-feira. No comunicado, a pasta não esclarece o motivo da saída, mas informa que uma coletiva de imprensa será marcada para esta tarde.

Teich assumiu o cargo há um mês, após a saída do ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em 16 de abril.

Mandetta e o presidente Jair Bolsonaro divergiam sobre os caminhos para o combate à pandemia do novo coronavírus no país, como as medidas de isolamento social e o uso da hidroxicloroquina no tratamento de pacientes.

Perfil

Radialista, Locutor, Apresetador, Animador, Designer Gráfico DRT002235