terça-feira, 14 de julho de 2015
[caption id="attachment_69" align="alignleft" width="289"]“O mais importante é que eu estou 100% preparado “, disse Romário “O mais importante é que eu estou 100% preparado “, disse Romário[/caption]

O ex-jogador e hoje senador Romário (PSB-RJ) foi eleito por aclamação como presidente da CPI do Futebol na tarde desta terça-feira (14). A Comissão Parlamentar de Inquérito irá investigar denúncias de irregularidades na Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que também podem incluir as obras para a Copa de 2014.


Senado aprova MP do Futebol, que seguirá para sanção presidencial


— Posso te afirmar que o trabalho passa por abrir o sigilo da CBF, de federações, de clubes, de dirigentes, de presidentes. Esse é o papel da CPI e eu tenho certeza de que esse papel, pelo menos no que se refere à minha parte, vou tentar fazer da melhor forma possível — disse Romário.


Entre os investigados da CPI, estão os ex-presidentes da CBF Ricardo Teixeira e José Maria Marin e o atual mandatário da entidade, Marco Polo Del Nero. Teixeira é alvo da Polícia Federal, enquanto Marin está preso na Suíça sob custódia da Justiça americana por suspeitas de recebimento de propina.


O grupo de trabalho, que terá como relator o senador Romero Jucá (PMDB-RR), tem um encontro marcado para esta quarta-feira. A ideia é iniciar o planejamento da CPI antes do recesso parlamentar.


— O mais importante é que eu estou 100% preparado para encabeçar uma mudança definitiva no nosso futebol — decretou Romário.

União FM

Facebook

Brasileiro (A)

Carregando...
Brasileirão

Tempo

Receba Noticias