https://youtu.be/p3FH2Nsuocs

“O prefeito de São Luís prometeu e não construiu as 25 creches”, dispara deputado Wellington


Na sexta-feira dia (24/09/2015), o vice-presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, deputado Wellington do Curso (PPS), utilizou suas redes sociais para parabenizar a ação do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) que, por meio das Promotorias de Educação de São Luís, instaurou Inquérito Civil para apurar o andamento da construção das creches do programa Brasil Carinhoso, que seriam construídas pela gestão municipal em parceria com o Governo Federal.


Wellington, que já utilizou a tribuna inúmeras vezes para denunciar a não construção das creches, se pronunciou na última quarta-feira (23) mencionando o lançamento da pedra fundamental das 25 creches que marcaria o início da construção da creche do bairro da Cidade Operária, em terreno localizado na unidade 105. Na ocasião, o parlamentar lamentou o descaso da atual Gestão Municipal para com a educação infantil e mencionou o destino de 33 milhões a fatores de idoneidade questionável, o que segundo ele é um disparate quando se tem 25 creches a serem construídas.
“A Prefeitura de São Luís divulgou no início de 2014 a construção de 25 creches com recursos oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). No dia 8 de fevereiro de 2014, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior garantiu que as obras estariam concluídas em oito meses. No entanto, um ano e sete meses depois quem passa pelo local encontra apenas o terreno repleto de lixo. O prefeito de São Luís prometeu e não construiu as 25 creches. Ora, como se não bastasse o absurdo de não se ter a construção as creches, nos deparamos com R$ 33 milhões sendo destinados ao Instituto Superior de Educação Continuada (ISEC) pela prefeitura de São Luís, como se não houvesse obras à espera de concretização. Infelizmente, esse não é o único problema que assola a educação infantil em nossa capital, já que as condições estruturais das escolas municipais estão distantes do almejado. Por isso, parabenizo o Ministério Público e reafirmo o meu posicionamento em defesa não apenas de simples obras, mas em defesa do futuro das crianças e, assim, em defesa daquilo que é devido a todo cidadão: o respeito”, pontuou o parlamentar.