Alvo de intolerância de alguns blogueiros e simpatizantes da candidatura de Edivaldo Holanda Júnior (PDT) nas redes sociais, desde que manifestou seu apoio ao candidato Eduardo Braide (PMN), o deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB) diz em nota distribuída na tarde desta terça-feira que alguma coisa está errada na campanha do prefeito.

"Vimos um grau de intolerância que não é próprio em democracias", disse que ele foi atacado por ter sido preso na Operação Navalha, espetáculo que sempre foi visto como uma retaliação por tido a coragem de romper com o Grupo Sarney quando se encontrava no cargo de governador (2002-2006). Graças a esse rompimento, Zé Reinaldo conseguiu eleger Flávio Dino (PCdoB) deputado e Jackson Lago governador, em 2006.

Eis a nota do deputado:

"Declarei meu voto em Eduardo Braide e fui atacado com violência por um blogueiro. Como isso é inusitado e sem motivo me alertaram que teria vindo da campanha de seu oponente. Não quero julgar ninguém mas dá para desconfiar. Se for, é uma atitude que mostra que alguma coisa está muito errada na campanha do prefeito. Vimos um grau de intolerância que não é próprio em democracias. Já no autoritarismo, é usual ser atacado por emitir opiniões. Bem, custo muito a acreditar nisso e torço por dias de mais tolerância e respeito"