O ex-prefeito Raimundo Silva, de Barão de Grajaú, tem o prazo de 30 dias para devolver aos cofres públicos o dinheiro que é acusado de ter desviado quando era gestor municipal. "Raimundo Nonato", como é conhecido na região, foi condenado pela Justiça Federal a ressarcir os cofres públicos no valor de R$ 439.194,48.

Segundo a sentença, o ex-prefeito deve começar a pagar as parcelas a partir do mês de setembro em uma conta específica indicada pelo Ministério Público. 

Raimundo Nonato pode ser ate preso de não cumprir o acordo da justiça, Na decisão, divulgada no dia 04 de agosto de 2017, assinada pelo juiz Rogério Monteles da Costa. 

Condenou-se o ex Prefeito Raimundo Silva foi condenado por improbidade administrativa e obrigado a devolver o dinheiro desviado.

“Considerando o montante da condenação e o valor, verifica-se que tal forma de pagamento, com juros e correções monetárias para a quitação do valor desviado, e o Ex-Prefeito esta impossibilitado de concorrer por (5) Cinco anos qualquer cargo”.