Sindicatos se mobilizam em ato de protesto contra a Reforma da Previdência, em frente ao INSS, na capital maranhense.

Segundo o Sindicalista Hugo Carvalho, O projeto inicial do governo previa o fim da aposentadoria especial para professores do ensino infantil, fundamental e médio (30 anos de contribuição no caso dos homens e 25 anos das mulheres). Agora, no entanto, a proposta do governo excluiu os servidores estaduais e municipais da reforma, incluindo professores e policiais civis.