Em participação no programa Domingão do Faustão do último domingo, o ator Miguel Falabella mostrou sua indignação com a corrupção no Brasil e disse que o povo precisa se unir. Falabella lembrou que o dinheiro desviado pelos corruptos é retirado dos serviços que são devidos à população, que paga seus impostos. "Eles são genocidas! Matam as pessoas que estão nas filas dos hospitais".