domingo, 4 de fevereiro de 2018
A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão rejeitou, nesta quinta-feira 1º, recurso do promotor Lindonjonson Gonçalves, do Ministério Público do Maranhão, e mantiveram a absolvição da ex-governadora Roseana Sarney (MDB) em processo por desvios de recursos, na ordem de R$ 1,95 milhão, para a construção de hospitais.

Os votos foram proferidos, em unanimidade, pelos desembargadores Vicente de Paula Castro, José Luiz Almeida e Guerreiro Júnior. A informação é do Blog do Gilberto Léda.

Em março do ano passado, decisão do juiz Clésio Coelho Cunha, então respondendo pela 7ª Vara Criminal de São Luís, já havia absolvido sumariamente a emedebista, “por falta de conduta da acusada para o resultado das ações descritas”.

Além de Roseana, outras 15 pessoas, dentre elas o ex-secretário estadual de Saúde e pré-candidato ao Palácio dos Leões Ricardo Murad (PRP), empreiteiros, ex-secretários e membros da comissão de licitação, foram denunciadas por Lindonjonson suposta participação nos desvios do dinheiro público.

Fraude em licitação, superfaturamento de contratos e desvio de recursos para campanhas eleitorais são algumas das acusações.

0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Horóscopo

Cotação do Dolar

Boletim de Noticias

Brasileirão (A)

Carregando...
Brasileirão

Publicidade

Publicidade

Postagens mais visitadas