Urgente, ex-presidente da câmara de Cândido Mendes pode ser preso, o ex-vereador João Pereira Neto (Pereira), e pai do atual vereador Tayron Costa Pereira, presidiu a câmara municipal por quatro anos.

No período em que esteve presidente João Pereira Neto cometeu crimes de improbidade administrativa que somam mais de 200.000,00 mil reais.

O blog apurou que o TCE Tribunal de Contas do Estado do Maranhão reprovou suas contas e  identificou que o presidente contratou diversas empresas para fornecerem e prestarem serviços sem o devido processo licitatório, dentre os serviço e fornecimentos encontram-se: material gráfico, gêneros alimentícios, aluguel de veículos, dentre outros!..

O TCE identificou ainda que o presidente não efetuava o pagamento do INSS dos vereadores e servidores da casa, bem como não pagava o IRPF dos mesmo. Identificou ainda que  o mesmo pagou de forma ilegal mais de 20.000,00 mil para advogados fora dos padrões de legalidade. Somados todos desvios e a aplicação das multas impostas pelo TCE, o presidente terá que devolver mais de 200.000,00 mil reais aos cofres públicos do município..