sábado, 25 de abril de 2020
O líder/ditador da Coréia do Norte, Kim Jong-un, morreu ou está em seu leito de morte sem esperança de recuperação - de acordo com meios de comunicação da China e do Japão.

Em meio a relatos de que a China enviou uma equipe médica a seus vizinhos comunistas esta semana para verificar/aconselhar Kim, a vice-diretora de um canal de notícias de Hong Kong - que aparentemente é sobrinha de um ministro das Relações Exteriores da China - divulgou a notícia por conta própria: ele está morto.

A mulher colocou o relatório em um aplicativo de mídia social chamado Weibo para seus quase 15 milhões de seguidores lerem, citando uma "fonte muito sólida" sobre a alegação de que Kim havia realmente perecido. Uma revista japonesa relata que ele está em "estado vegetativo" após uma cirurgia cardíaca que deu errado.

A agência informa - citando um especialista em medicina chinês a par da situação - que Kim apertou o peito no início de abril e caiu enquanto visitava a região. Ele precisava de um procedimento de endoprótese, mas aparentemente ou não foi feito com rapidez suficiente, ou foi completamente danificado pelo cirurgião - com alguns relatos dizendo que ele tinha mãos trêmulas.

Banggood a sua Loja

Nova União FM

Salmo do Dia

Facebook

Moeda

Bolsa de Valores

Publicidade:

Elo Internet