sábado, 24 de abril de 2021


Logo nos primeiros 100 dias da gestão do prefeito Facinho Rocha no município de Cândido Mendes, o mesmo esvaziou os cofres públicos com o pagamento de diversas diárias para custear viagens dele mesmo para capital do estado. 



Além de superlotar a folha de pagamento da gestão com parentes e aderentes, o que é considerado crime Nepotismo e prática vedada pela administração pública. José Bonifácio também  nomeou sua irmã, para ser fiscal de licitação no município.

O município de Cândido Mendes contratou por cifras exorbitantes uma empresa inativa perante a receita federal e sem a menor capacidade técnica operacional para fornecer combustível e lubrificantes para a frota de veículos da prefeitura. 

Além da empresa ser sediada em Carutapera, município distante cerca de 50 km de distância de Cândido Mendes. Ocorre que, de acordo com denúncias e relatórios fotográficos, o posto de gasolina contratado em Carutapera, seria apenas um disfarce para culminar em crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisa, formação de quadrilha, e desvios de verbas públicas.

Os carros pertencentes à gestão de Cândido Mendes estariam sendo abastecidos no próprio posto de propriedade do empresário e prefeito Facinho, sendo o posto de Carutapera usado apenas para fornecer notas frias. 


Se confirmadas denuncias, Facinho pode ser o segundo prefeito do município de Cândido Mendes preso por suspeita de corrupção em menos de um ano.

Segundo informações, no período das eleições municipais 2020, o posto de combustível tinha passado por transferência, (fez uma procuração passando todos os poderes para o irmão que e secretário de administração e planejamento JONH HERBERT ROCHA DE JESUS, que é irmão do Prefeito Facinho.)

Aguarde o blog está de olha em todos os passo do prefeito Facinho.

Fale conosco via Whatsapp: +55 98 970023555